Twitter Facebook YouTube

CUT MG > LISTAR NOTÍCIAS > MOVIMENTO POR MINAS > LUTA ANTIMANICOMIAL SAI ÀS RUAS EM BELO HORIZONTE

Luta antimanicomial sai às ruas em Belo Horizonte

16/05/2013

Concentração começa às 13 horas desta quinta-feira (16), na Praça da Liberdade

Escrito por: Portal Minas Livre

Para manifestar o Dia Nacional da Luta Antimanicomial de 2013, a escola de samba “Liberdade Ainda que Tam Tam” irá desfilar pelas ruas de Belo Horizonte, reafirmando os princípios antimanicomiais e propondo a construção de um caminho real e possível para a liberdade de todos, ainda que tam tam. Formada pelos usuários, familiares e trabalhadores dos serviços substitutivos em saúde mental da Região Metropolitana de Belo Horizonte e cidades do interior do estado, a escola de samba espera mobilizar cerca de 4 mil integrantes na manifestação político-cultural deste ano.

De forma lúdica, sensível e crítica, a escola é uma estratégia do movimento da Luta Antimanicomial de Minas Gerais, que há 16 anos movimenta a capital, provocando reflexões sobre o lugar social da loucura em seu encontro com a arte e o pensamento. A manifestação, que tradicionalmente acontece no dia 18 de maio - data instituída como o Dia Nacional da Luta Antimanicomial, este ano, será realizada nesta quinta-feira (16).
 
Seis alas irão compor o desfile, que tem sua concentração marcada para 13 horas, na Praça da Liberdade, com previsão de saída às 14 horas. Além dos integrantes da “Liberdade Ainda que Tam Tam”, diversos movimentos sociais urbanos já confirmaram participação no desfile.
 
Com o tema “Se não nos deixam sonhar, não os deixaremos dormir”, o Dia da Luta Antimanicomial deste ano traz a resistência como questão central para afirmar a importância da Luta Antimanicomial, com toda sua humanidade e liberdade, frente ao conservadorismo e à mercantilização da vida. Em 2013, a “Liberdade Ainda que Tam Tam” convoca a sociedade a resistir contra os retrocessos anunciados no âmbito das políticas públicas que garantem os direitos humanos e sociais.
 
A manifestação é organizada pelo Fórum Mineiro da Saúde Mental, composto por trabalhadores, usuários e familiares da rede de saúde mental de todo o estado, pela ASUSSAM (Associação dos Usuários dos Serviços de Saúde Mental de Minas Gerais) e representantes de conselhos de classes. Participam também representantes de movimentos sociais, culturais e outras organizações da sociedade civil.
 
Dia Nacional da Luta Antimanicomial
 
A Luta Antimanicomial é um movimento social composto por diferentes atores que, há 26 anos, trabalha pela inclusão social e o protagonismo das pessoas com sofrimento mental e pela superação dos manicômios, entendendo-os como toda forma de segregação.
 
O Dezoito de Maio foi estabelecido como o Dia Nacional da Luta Antimanicomial no ano de 1987, durante o Encontro dos Trabalhadores da Saúde Mental, na cidade de Bauru-SP, quando o Movimento da Luta Antimanicomial escolheu no calendário nacional uma data para reafirmar a luta “por uma sociedade sem manicômios”.
 
Desde então, Belo Horizonte cumpre esta agenda, pautando a implantação da ousada política de saúde mental em rede, o que produziu as primeiras mudanças e evidenciou a viabilidade da proposta. Em 1997, aconteceu, pela primeira vez na cidade, a manifestação político-cultural no formato de um desfile de escola de samba e, assim, vem acontecendo até os dias atuais.
  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • Orkut
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

RÁDIO CUT

CENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES DE MINAS GERAIS
Rua Curitiba, 786, 2º andar | Centro | CEP 30170-120 | Belo Horizonte | MG
Fone: (55 31) 2102.1900 / 1916 | www.cutmg.org.br | e-mail: cutmg@cutmg.org.br